Convict Conditioning – Dia 33

por Hugo

O 33º dia foi uma sexta-feira e, sendo assim, os agachamentos eram a pedida do dia. O sistema do Convict Conditioning funciona com uma distância bastante razoável entre os treinamentos iniciais: segunda-feira, flexões de braço e elevações de perna; sexta-feira, agachamentos e flexões de barra [que eu ainda não estou fazendo]. Segundo o autor, Paul Wade, quando você estiver pelo menos no passo 6 em cada uma dessas sequências, pode passar a usar a quarta-feira para trabalhar os exercícios mais avançados – pontes e a temível flexão de braço em bananeira.

Squat
Step 02: Jacknife Squat
2 sets of 25
As últimas 5 repetições foram bastante exaustivas; cansaço muscular até a noite do dia seguinte.

Acho que a maior dificuldade que os agachamentos apresentam – ao menos, nesse estágio inicial – é que leva um tempo para o corpo se recuperar do exercício. Subir e descer degraus e rampas e até mesmo andar pode ser algo desconfortável no dia seguinte ao treino. Então, o peso de exagerar na dose acaba aparecendo somente quando já é tarde demais. Daí a importância de observar atentamente o próprio corpo.

À medida que as repetições se acumulam, a parte de cima da minha coxa começa a queimar. Notei também que estava deixando meus pés abertos demais, ao invés da ponta dos pés estar voltada para a cadeira que uso como apoio. Não percebi diferença em fazer o exercício dessa maneira e os agachamentos “canivete” são cansativos, mas não são uma tortura.

Eu achei que o nível intermediário eram 2 séries de 25 repetições, quando na verdade são 2 séries de 20 repetições! Significa que eu já tinha atingido o patamar necessário para acrescentar a terceira série. Semana que vem, no dia 40, começarei com 10 repetições. Esse ritmo, que pode parecer bem lento para alguns, na verdade me parece rápido. Sei que, conhecendo meu corpo e minha aptidão física, nos passos mais avançados eu progredirei na linha de 1 ou 2 repetições por semana. Pode significar que eu ficarei seis meses… até um ano repetindo o mesmo passo, mas isso não é problema. Só tomar cuidado para não tornar algo maquinal, um platô sem perspectiva de avanço.

Anúncios